Prostituis-te?

quarta-feira, novembro 16, 2005 à(s) 00:16
Prostituir - do Lat. prostituere; v. tr., desmoralizar; levar à prostituição; aviltar; corromper; v. refl., entregar-se à prostituição; degradar-se.

A prostituição é uma profissão conhecida por toda a sociedade: mal vista por alguns, mas que na realidade, TODOS a desempenham.
Nota: os parágrafos que se seguem contêm linguagem que pode ser considerada chocante e qualquer semelhança com a realidade, não é pura coincidência!

Cada vez menos existem mulheres de um homem só e vice-versa, homens de uma só mulher. É ou não é verdade?
Pois, pois...e se realmente só se deixam levar pela "tal" pessoa, nos sonhos imaginam-se a foder com outra...Depois andam a insultar a malta com filho(a) da puta, como se isso fosse asneira. Aliás, quem é que convencionou tal coisa como asneira, hein?
Todos somos filhos dela, da puta Mãe-Natureza que nos deu a puta da vida (para uns), e vida de puta (para outros). Depois, abordam-se as mulheres como rameiras, putas vadias, e vacas que pinam a torto e a direito, mas há muitos homens que se deixam levar pela libertinagem e se prostituem por aí fora.
No putedo em que o mundo se encontra, não consigo realmente entender o que se torna mais grave: se as meninas meretrizes que estão na berma da estrada e os gajos do bordel da Rua Escura; ou então as santas e santos que convivem connosco diariamente no nosso trabalho, grupo de amigos e/ou conhecidos, e quiçá...na nossa família!
O que coloco em causa é a nossa prostituição, porque como se observa pelo significado do termo referido anteriormente, a prostituição refere-se à desmoralização, corrupção, degradação, desonra, humilhação e ao acto de se rebaixar. Toda esta sinonímia para que ninguém se faça despercebido e termine com a conotação errónea de prostituição apenas ao acto de foder com estranhos (ou nem por isso) e lucrar preferencialmente alguns tostões com isso.
O que a malta quer verdadeiramente é subir na vida o máximo, sem o menor esforço e com facilidade...daí que se prostituam frequentemente as ideias, projectos, desejos, corpos, objectos e outras coisas. O importante é foder sem olhar a quem - e reparem que esta expressão assenta muito bem na actualidade, visto que já não se olha a meios para se atingir os fins!
De repente ocorre-me uma série de questões pertinentes que podem ser comentadas...:
Afinal, quem é que é filho(a) da senhora mais famosa do mundo, hã?
Quem fode mais?
Serão realmente as pessoas referentes à terminologia "Prostituta(o)" mais putas que as outras?
Que fidelidade vem a ser esta, se nem aos nossos princípios somos leais?

7 comentários

  1. Anónimo Says:

    Tiny MiniSD and Pro Duo Card Reader
    So far we've seen pistol shaped mice, mice with fans, mice with biometrics, mice that double as a flash drive, and now Sony brings us the mouse with a memory card reader.
    Oh, by the way, have you checked dinar?. It pretty much covers everything about dinar related stuff, and I think it’s very informative.

    I’d love to meet you there.

  2. Marlene Says:

    Realmente é 1 tema n recomendável p cardiacos, mas gostei! tu tens tanta razão nakilo k dizes, concordo msm ctg! eu tenho a mente tranquila :) e o rapaz das mãos possivelmente é a pessoa ideal p mim...n sei, só kero ser feliz cm sou oj!

  3. andré Says:

    A profissão mais antiga... tive um professor no secundario que um dia numa aula virou-se para a turma e disse que neste mundo a base para tudo é o sexo. w00t? O_o

  4. Anónimo Says:

    Tens toda a razão e não estás só neste mundo filho da puta!
    Aliás a quem não se adapta o termo (ou os termos...) é, na verdade, aos que alugam o seu corpo. Fazem-no obrigados por uma sociedade que os despresa. Alugam o corpo mas não vendem a Alma! Contrariamente aos bem instalados, ou a caminho, ou mesmo aos mesquinhos seres menores para quem tudo vale .
    Prostituição é a profissão de bem, hoje! Prostituição é o caminho para o sucesso. Seja na escola, no emprego, na política! O mundo transformou-se num bordel global. A luta pelo pão do neoliberalismo (para quem o deseja, claro!) é conseguido pela venda da alma aos mais poderosos, pelo aluguer de principios e crenças a qualquer preço.
    A verdade é que o mundo hoje é dos filhos da puta. Prostitutos de ideologia, proxenetas por doutrina.
    Putas? As que andam na vida?

    Mestre

  5. Neith Says:

    Um tema actual...um texto que convida à reflexão :) Beijinhos

  6. Vampiria Says:

    Nunca vi um texto tão directo e bem escrito sobre o que entao ser se puta e que vício este de se apontar a outra - és puta, etc e tal... Foder é bom, so é pena nao se conseguir foder ainda mais, pois é das melhoers coisas para amanutençao da saude, so quem é analfabeto ainda nao conhece as vantagens de uma boa foda. Sabes o que acho disto tudo? que quem mais chama puta mais inveja deve ter de quem faz essa vida, nao sei, parece... As vezes, isto no emprego da palavra, o que vem no dicionario nao é usado na oralidade, como tmb deves saber e se puta é mulher bonita, ninguem que eu conheça gosta de ser chamada como tal... coisas do português, em que o oral é mt mais forte que o escrito, ate pork somos um povo cada vez menos leitor da sua lingua.

    Um beijo, desculpa o testamento.

  7. Orfeu Says:

    Prostituir - do Lat. prostituere; v. tr., desmoralizar; levar à prostituição; aviltar; corromper; v. refl., entregar-se à prostituição; degradar-se...

    Algo que não pode constar no meu dicionário da Vida...

I'mNesic | Powered by Blogger | Entries (RSS) | Comments (RSS) | Designed by MB Web Design | XML Coded By Cahayabiru.com